Vacinas durante a COVID-19 

Eurofound’s unique e-survey, Living, working and COVID-19, provides a snapshot of the impact of the pandemic on people’s lives, with the aim of helping policymakers to bring about an equal recovery from the crisis. Three rounds of the e-survey have been carried out to date.

  • Round 1: Launched on 9 April 2020 when most Member States were in their first lockdown
  • Round 2: July 2020 when economies and societies were gradually reopening
  • Round 3: March 2021, almost a year on, as countries were still dealing with various levels of lockdown to curb the spread of new strains of the virus, while vaccination programmes were rolled out.

The data cover a range of questions that measure vaccine hesitancy and the reasons behind it. Compare the data for each round and explore by country, gender and age.

Conclusões principais

  • Mais de um quarto das pessoas que vivem na Europa revelam-se hesitantes em relação à vacina contra a COVID-19, estando os homens mais hesitantes (29 %) do que as mulheres (25 %). A preocupação com a segurança é a principal razão apontada para a hesitação quanto à vacina (62 %), mas 44 % dos que se revelam hesitantes acreditam que os riscos atribuídos à COVID-19 são exagerados.

  • A hesitação em relação à vacina também está fortemente associada à confiança e ao uso das redes sociais, sendo os países que registaram menores níveis de confiança no governo os que registam níveis mais elevados de hesitação em relação à vacina. As pessoas que hesitam em tomar a vacina também são as que normalmente passam mais tempo nas redes sociais e que fazem delas a sua principal fonte de informação. 

  • O lançamento de uma campanha de vacinação eficaz é essencial para vencer a batalha contra a COVID-19 e enveredar pelo caminho da recuperação. No entanto, com mais de um quarto de europeus hesitantes em relação à vacina, afigura-se essencial uma comunicação clara, transparente e coerente sobre a segurança das vacinas, no sentido de tranquilizar os cidadãos.

Background and data collection

  • FieldworkRound 1: 9 April–1 May 2020; Round 2: 22 June–27 July 2020; Round 3: 15 February–30 March 2021 
  • Sample sizeRound 1: 86,457 (63,354 complete responses for EU27); Round 2: 31,732 (24,123 complete responses for EU27); Round 3: 62,518 (46,800 complete responses for EU27) 
  • Target population: People aged 18 and over
  • Spatial coverage of the data visualisation: EU27
  • Data collection mode: Online
  • Respondent recruitment: Snowballing and advertisements on social media
  • Publisher: Eurofound
  • Copyright: Copyright policy
  • Working paper: Living, working and COVID-19: Methodological Annex to Round 1
  • Working paper: Living, working and COVID-19: Methodological Annex to Round 2 
Suggested citation

Eurofound (2020), Living, working and COVID-19 dataset, Dublin, http://eurofound.link/covid19data

Comments, feedback, questions? Let us know!


Na sequência da saída do Reino Unido da União Europeia em 31 de janeiro de 2020, é de notar que há dados publicados no sítio Web da Eurofound que continuam a incluir os 28 Estados-Membros da UE, uma vez que o Reino Unido foi incluído em investigações anteriores. Esta situação será progressivamente alterada no sentido de refletir a atual composição dos 27 Estados-Membros da UE.