Sexto Inquérito Europeu sobre as Condições de Trabalho - Relatório de síntese

O Sexto Inquérito Europeu sobre as Condições de Trabalho (IECT) baseia-se nas lições retiradas dos anteriores cinco inquéritos para estabelecer um quadro amplo da Europa no trabalho, entre países, ocupações, setores e grupos etários. As prioridades da política de emprego da UE visam aumentar os níveis de emprego, prolongar a vida ativa, aumentar a participação das mulheres, desenvolver a produtividade e inovação, bem como a adaptação ao desafio digital. O sucesso destas políticas depende não apenas de mudanças no mercado de trabalho externo, mas também do desenvolvimento de boas condições de trabalho e qualidade do emprego. Os resultados do IECT chamam a atenção para a variedade e o alcance das ações que os agentes políticos poderiam desenvolver para enfrentar os desafios atuais. A análise explora os resultados obtidos usando sete índices de qualidade do emprego - ambiente físico, intensidade do trabalho, qualidade do tempo de trabalho, ambiente social, competências e discrição, perspetivas e remuneração - e categoriza os trabalhadores em cinco perfis típicos de qualidade do emprego. Com base em entrevistas pessoais com 43 850 trabalhadores em 35 países europeus, o sexto IECT tenta captar as dimensões multifacetadas do trabalho na Europa de hoje.

Useful? Interesting? Tell us what you think. Hide comments

Add new comment