Inquérito Europeu às Empresas 2009 (ECS) – Remuneração variável

Remuneração variável e participação financeira

  • Em toda a UE, em um terço dos estabelecimentos com 10 ou mais trabalhadores há parcelas da remuneração que dependem do desempenho individual. Este grupo inclui pouco mais de metade (53%) de todos os trabalhadores. Mais de metade dos representantes dos trabalhadores (54%) apoiam amplamente estes regimes, com diferenças significativas entre países.
  • De acordo com os dados do ECS, 14% de todos os estabelecimentos privados com 10 ou mais trabalhadores da UE possuem actualmente algum tipo de regimes de comparticipação nos lucros. A incidência mais elevada é, de longe, a que foi comunicada em França, onde mais de um terço (35%) de todas as empresas privadas têm em vigor um regime dessa natureza.

Nota: o vídeo encontra-se apenas em inglês.